Buscar
  • Sênior Marketing

Custos estratégicos e não estratégicos em clínicas odontológicas e médicas


Todas as empresas bem administradas fazem uma classificação dos seus custos. Podemos agrupar os custos encontrados em clínicas médicas e odontológicas em dois grandes grupos:

Custos estratégicos - São aqueles que impactam diretamente na geração de negócios para a clínica. Ou seja, de uma forma direta eles contribuem para a captação de clientes e fazem aumentar o lucro.

São exemplos de custos estratégicos: custos de vendedores, publicidade (desde que bem feita) e custos com equipamentos e insumos que melhorem a produtividade e qualidade do serviço final.

Custos não estratégicos - São todos os outros custos da sua clínica. Ou seja, aqueles custos que são necessários para o funcionamento da clínica, mas que não geram negócios de um forma direta e clara.

Estão nessa categoria todos os custos administrativos como gerentes, secretárias, contador, consultores, advogados, manutenção de computadores, etc.

É muito importante que na sua clínica cada novo custo seja avaliado sobre a luz desse critério de classificação.

Esta pensando em contratar um novo funcionário? Avalie se ele vai no final das contas contribuir para gerar novos negócios ou não?

Quer investir em um novo equipamento? Você vai poder cobrar mais por isso? Vai captar mais pacientes com a chegada desse equipamento? Se a resposta for positiva esse é um custo estratégico? Caso contrário é um custo não estratégico e você provavelmente não deveria realiza-ló.

Nos sempre colocamos para nossos clientes de nossa consultoria de gestão e marketing médico e gestão e marketing odontológico que o papel de um administrador de uma clínica médica ou odontológica se divide em duas grandes funções:

01 - Fazer com que a clínica efetue os gastos estratégicos necessários em quantidade e volume suficientes para superar a concorrência.

02 - Executar uma firme gestão sobre os custos não estratégicos reduzindo-os ao mínimo necessário.

Esses conceitos aparentemente simples na verdade são um misto de arte, ciência e experiência que quando executados de forma bem feita significam a linha divisória entre clínicas que tem sucesso e aquelas que fracassam retumbamtemente.

O fato de ter um corpo clínico capacitado, um bom ponto comercial e tecnologia adequada só coloca sua clínica no jogo.

É a gestão estratégia que faz com que uma clínica tenha sucesso ou não. E boa parte da gestão de uma clínica médica ou odontológica passa por entender, selecionar e gerenciar os custos estratégicos e não estratégicos.

Conclusão

Identificar os custos estratégicos, ou seja, aqueles que geram novos negócios para sua clínica de forma objetiva e direta, maximizado os investimentos neles e determinar quais são os custos não estratégicos, aqueles que não geram pacientes pagantes exige capacidade administrativa do gestor da clínica.

Se você percebe que precisa de maior direcionamento estratégico da sua clínica para maximizar o seu lucro, crescer e ganhar mercado, entre em contato conosco e conheça nossa consultoria de gestão e marketing médico e nossa consultoria de gestão e marketing odontológico.

Senior Marketing Marketing para empresas de saúde

#custosestrategicosodontologia #gestãoodontologia #marketingodontologia #gestãomedica #marketingmédico

0 visualização
Senior Marketing.png