Buscar
  • marcioasilv3

Mentira no e-commerce tem perna curta!


Todo empreendedor sabe que as consequências que uma opinião negativa traz para o seu negócio...agora imagine 100, 1000 1.000.000 de opiniões negativas sobre o seu negócio.

Pois é exatamente isso que acontece ou pode acontecer com empresas do varejo online que utilizam os velhos artifícios do mercado de "tijolos e cimento" para enganar seus consumidores. Esses "espertos" comerciantes estão com dias contados na internet. De fato, eles não tem mais lugar no atual mercado consumidor brasileiro.

É comum empresários aumentarem o preço pouco antes de fornecerem um desconto. Mas em tempos de comércio virtual onde programas extremamente potentes (buscapé, mercado livre, etc) vasculham e registram cada preço publicado na internet, esse tipo de comportamento pode ser fatal. De fato, a internet tem uma característica intriseca de registro de todas as operações que acontecem.

Vejam um caso de um grande varejista que aconteceu comigo mesmo. Recebo newlestter e email marketing quase diariamente de um grande varejista nacional que por respeito não vou citar o nome, mas basta saber que ele é um dos top 3 no país em varejo virtual e também offline. Pois bem, um belo dia recebo um email com o preço de um notebook com uma configuração que estava procurando. Gostei do preço e resolvi fazer a compra. Quando fui direcionado para o site, o mesmo produto estava com o "preço promocional" cerca de 20% mais caro do que no link que recebi. Ou seja, uma verdadeira manobra para "enganar" o incauto consumidor. Por fim, após entrar em contato com o call center da citada empresa acabei conseguindo comprar o produto com um desconto real e não o fictício praticado na propaganda.

O caso acima é mais comum do que pode parecer e pena que não tem a divulgação que deveria. É fato que dada a profusão de tecnologias, ferramentas e a própria dinâmica de precificação online torna o processo susceptível de erro e muitas vezes o comportamento para reverter uma situação com acima descrita é que vai determinar o "DNA" de um varejista online.

Enfim, seja vendendo um produto que você não tem e diz ter no estoque, prometendo um prazo irreal de entrega ou condições de pagamento sem juros, é fundamental não desapontar o consumidor online que tem um perfil muito mais "preparado" de consumo do que o tradicional consumidor de rua.

Sr. Site

www.srsite.com.br

#criarlojavirtual #montarlojavirtual #dicaslojavirtual

0 visualização
Senior Marketing.png