Buscar
  • marcioasilv3

Comportamento do consumidor impulsiona marketing digital


Em 2013 o marketing digital literalmente "bombou". O fato é que o poder de compra dos clientes, especialmente da chamada classe C aumentou. Não foi um aumento nos níveis do primeiro mundo, visto que o que chamamos no Brasil de classe C corresponde a renda mensal das pessoas enquadradas com abaixo da linha da pobreza nos EUA. Mas devagarzinho vamos galgando alguns degraus e isso por si já basta para impulsionar o mercado de marketing digital.

Nesse ano de 2013 percebeu-se um crescente incremento do investimento das empresas na criação de sites, envio de email marketing, propaganda no Google e criação de páginas no Facebook. O comércio eletrônico por sua vez tem a previsão de um crescimento acima de 20% em relação ano ano de 2013. Tudo isso impulsionar o desenvolvimento do mercado que gira em torno do marketing digital.

Em se tratando de e-commerce estamos já bem avançados. Estima-se que cerca de 42 milhões de brasileiros já fizeram alguma compra pela internet. Esse número tende a aumentar a medida que a internet e a telefonia móvel vão ficando mais baratas e acessíveis.

Em relação a telefonia móvel é bom destacar que já somos um pais com mais celulares que habitantes. Cerca de 35% desses aparelhos já tem acesso a internet. Com isso, o perfil do consumidor brasileiro mudou. Surgiu nos EUA mas tomou força no Brasil o fenômeno do E-Shopper, ou seja, aquela pessoa que esta dentro de uma loja física mas comparando em tempo real o preço de um determinado produto com os oferecidos na internet.

Tudo isso vai se aglutinando e exigindo cada vez mais especialização dos profissionais de marketing, publicidade e propaganda. Dificilmente uma empresa pode se dar ao luxo de deixar de fora os canais da internet dentro do seu plano de marketing.

Sr. Site

www.srsite.com.br

#comportamentodoconsumidor

6 visualizações
Senior Marketing.png